Julia teve a iniciativa de criar esta campanha em junho de 2013 depois de receber um agradecimento de uma Creche da cidade de Belo Horizonte (cuida de crianças com paralisia cerebral) após uma pequena doação que fizemos a esta Creche.

Quando Julia recebeu este agradecimento, que foi em forma de bonequinhos de papel (origami), percebeu que poderia fazer um pouco mais para ajudar aquelas pessoas.

No início era apenas recolher lacres das latinhas que encontrasse pelo caminho, foi muito difícil, pois juntar tantos lacres não é tarefa fácil para tão pouca gente. Mas com a determinação da Julia, fazia bilhetinhos todos os dias e entregava na Escola, chamou a atenção de colegas, professores, amigos e parentes, em ver que sua atitude poderia ajudar muitas pessoas. O projeto ganhou grandes proporções após aparecer em jornais e televisão.

Beneficiamento manual para separar os lacres de outros materiais

Local para armazenar mais de 1 tonelada de lacres

Caminhão leva os lacres até a recicladora

Vender os lacres para a indústria de reciclagem

Até o momento, já foram doadas:

260 cadeiras = 85 milhões (26 toneladas) de lacres de alumínio. (Obs.: a quantidade de 140 pets é usado como referência).